Olha minha roupinha #1

domingo, novembro 30, 2014

Tcheguei com uma história nova! Quando eu escrevia mais no PeM, tentava fotografar mais ~luqis do djia~ porque afinal de contas, era um blog voltado pra moda e blá blá. Quando abri o Twolia, me comprometi em postar aquilo que eu realmente quisesse, sem essa "obrigação" de seguir um nicho de blogs e postar x ou y coisa por isso. É sempre meio complicado justificar esses momentos diferentes, mas acho que a melhor justificativa é "porque eu quis" e porque as vezes eu coloco umas roupinhas e fico pensando "nossa, queria mostrar pro mundo como eu me sinto bem nessa roupinha".





Então mais do que a obrigação de postar um look do dia pra falar sobre as peças que eu tô usando, sobre a marca que eu fechei parceria ou sobre como tal coisa é a última tendência, minhas roupinhas serão focados em mostrar aquilo que eu realmente me sinto bem usando. Coisas que podem ou não te servir de inspiração na hora de escolher o que usar no armário, mas principalmente, que sejam reais, não só montação pra tirar fotchynha.




Outro ponto importante é que, quando você faz esses looks, você expõe sua imagem na internet e já pensando nas críticas a vas sa la do ras um cara interessante, esculacho teu amante, até o teu ficante quer melhorar seu corpo, e como as pessoas vão olhar pra ele. Peeeensando nisso, meu outro compromisso com essas roupinhas, é tocar o f*da-se pra essa coisa de photoshoppar barriga, aumentar bumbum e me tornar capa de revista. Eu sou humana, tenho a mesma carne e osso que você, e as vezes essa carne é do Burger King se concentra na minha barriga. Fia, lida com isso. Pochete positiva, dieta positiva, vida positiva, é nois.



desce, sobe, empina e rebola (gente, sério, o g+ fez isso automaticamente pra mim ~no caso, sem eu pedir~, to pirada das ideia porem encantada com as tecnologia. ozadíssimo.)

Também tô trabalhando nessa coisa de fazer poses, porque sei fazer isso com a cabeça, mas meu corpo parece um bonecão de posto desengonçado. #oremos Então acho que já deu pra sacar que a coisa toda é baseada na honestidade, nos dias bons e ruins, na saúde e na doença, até que a morte nos separe, né? Espero que eu continue fazendo (e querendo fazer) e que vocês gostem da ideia.





A quem possa interessar, a camiseta é do Torra Torra, deve ter custado umas 10 dilminhas (rapaz, não vou mentir, essa loja tem as melhores camisetas básicas. #choraHering), a calça é da Romwe, não tenho link mas no AliExpress você encontra mais barato e com outras cores sob a pesquisa "american apparel pants", o papatinho é da Mundial Calçados (custou 150 diliminhas, mei caro) e a bolsa é do AliExpress. Quem quiser link, pede que:::: eu passo.

E é isso minha gente! Gostaram da coisa toda? Acharam interessante e vão fazer igual no seu bloguinho (gostaria muito de ver mais gente realista na hora de fazer looks!)? Mei ruim? Me conta nos comentários que eu leio, respondo, troco likes nas 10 últimas fotos, chamo de lindo e sigo de volta.

Beijo no cuore, até mais! 

P.S. Esse post foi meio sério né? Então lê ele de novo, dessa vez ouvindo alguma música do Patati Patatá. Sei lá.

posts recomendados pra você :)

17 comentários

deixa aí pra mim o que achou! sua opinião é importante pra melhorar. críticas construtivas ou destrutivas também (mas vai com calma na destrutiva que eu tenho a baixo-estima alta). se quiser deixar o link do seu blog, fique à vontade, prometo que vou retribuir o comentário :D

p.s. por favor, só comente se realmente ler a postagem, ok?